25/02

Lagarta do cartucho: principal inimiga das plantações de milho

A lagarta do cartucho é a principal praga das lavouras de milho do país. Durante as safras, diversos produtores se preocupam para evitar que elas ataquem o plantio e tragam prejuízo para a colheita.

O surgimento desses insetos acontece quando a mariposa fêmea, de coloração acinzentada, coloca seus ovos (em média 100 ovos a cada vez) nas folhagens. Com as temperaturas favoráveis, a eclosão das lagartas ocorre em três dias, no qual já iniciam a alimentação nas folhas das plantas.

Já as larvas maiores começam a migrar, através de teias ou pela ação do vento, para outras áreas e plantas adjacentes. Posteriormente dirigem-se, em menor número, para a região do cartucho, onde se alimentam das partes mais tenras.

Ao se alimentarem do cartucho da planta, as lagartas perfuram a base da planta, atingindo o ponto de crescimento e provocando o sintoma de “coração morto”, típico da elasmo.

Para evitar que as lagartas venham a prejudicar a lavoura de milho, o aconselhável é fazer o tratamento das sementes antes do cultivo e acompanhar com inseticidas sistêmicos.

Foto Marina Pessoa/Embrapa